6 livros que quero ler até ao fim do ano

by - 13:07:00

 Ler é das melhores coisas que podemos fazer: abre horizontes, estimula a imaginação, aumenta o vocabulário, emociona, faz-nos reavaliar ideias e conceitos, e muito, muito mais. E eu adoro ler mas por vezes não me sinto tão disponível para me embrenhar num livro e dar-lhe a atenção necessária, já sentiram isso? É por isso que este ano ainda só li uma meia dúzia de livros.


 Ler é das melhores coisas que podemos fazer: abre horizontes, estimula a imaginação, aumenta o vocabulário, emociona, faz-nos reavaliar ideias e conceitos, e muito, muito mais. E eu adoro ler mas por vezes não me sinto tão disponível para me embrenhar num livro e dar-lhe a atenção necessária, já sentiram isso? É por isso que este ano ainda só li uma meia dúzia de livros.

 Isso não impede que tenha adicionado vários outros à minha colecção nesse mesmo tempo. O ideal é que deixasse de o fazer mas, como sei que os irei ler eventualmente, não me impedi de os adquirir (nem sequer me martirizei), principalmente quando o fiz com preços muito competitivos (all hail olx and facebook groups!).  


 Adorava conseguir ler pelo menos mais uma dúzia de livros até ao fim do ano mas quero ser realista e apontar os 6 livros que quero mesmo ler até lá. Se conseguir mais, melhor, se não, ao menos que cumpra estes. Ajuda que sejam livros que quero mesmo muito ler!

Carreira do Mal
O terceiro volume da série protagonizada por Cormoran Strike está na minha lista desde que saiu em inglês mas só recentemente encontrou o seu caminho até às minhas estantes. A J.K. Rowling, aqui a assinar como Robert Galbraight tem em mãos uma série com um protagonista realista e humano, cheio de falhas mas com um coração inteiro. Sabiam que há uma série baseada nos livros? Preciso de investigar!

Diz-lhe que não
A Helena é uma inspiração para mim e o seu livro de estreia tem colhido um apoio enorme e sido muito bem recebido. Sabendo que é uma publicação na mesma linha da sua rubrica de maior sucesso, e sendo eu leitora da mesma, imagino que irei passar bons momentos com este livro.

A rapariga no Comboio
Cheguei tarde à festa? Numa altura em que é o segundo livro da autora que está mais destacado, o seu livro de estreia ainda não foi estreado por mim. As expectativas são grandes, principalmente porque nem o filme vi, nesta minha mania de ler o livro primeiro. Espero gostar.



Desaparecidos
A Tana French apaixonou-me em Sombras do Passado e segurou o meu amor assolapado com O Sítio Secreto. Desaparecidos é o seu primeiro livro e quando o vi num leilão no grupo de facebook, nem pensei muito. A escrita envolve-te e vicia, eu não quero ler mais uma página, mais um capítulo: eu preciso de o fazer!

A semelhança
Este é o seu segundo livro, que comprei em conjunto com o primeiro. Vai buscar referências a ele e isso é algo que age como fio condutor quase invisível entre os livros da autora, dado que nas versões portuguesas não te é referido que eles fazem parte de uma série. 

Imitação mortal
Confesso que este ano, a autora que mais li foi a Nora Roberts na sua versão J.D. Robb. Os livros são muito envolventes, na medida em que, apesar de terem cada um, uma trama específica, há continuidade e desenvolvimento no que aos protagonistas diz respeito. As suas vidas evoluem, regridem, misturam-se, há amor, há raiva, há dor, há compaixão e também há sexo. Apesar da distância e das diferenças, consigo relacionar-me com eles, consigo perceber porque alguém faria isto, porque alguém diria aquilo. E a Eve e o Roarke são um dos meus casais literários favoritos.

E vocês, que livros estão no vosso top de prioridades para próxima leitura?

You May Also Like

0 comentários